Genial e Genuíno, são os 2 singles de Devito Cxrleone

DeVito Cxrleone é produtor, rapper e extremamente versátil nestas duas ocupações. Ele que se fez notado com um ep de lo-fi depressivo que até hoje figura no topo da minha lista de obras sobre caos psicológico. Passou por um álbum de estúdio com seu grupo Fora do Habitat, tocou sua carreira solo e como integrante da Empire Records e do grupo Sem Novas.

Em 2020, já em quarentena, lançou o incrível EP “Ócio”, sucinto e belo, ao contrário da quarentena, longa e cansativa.

Antes mesmo de quarentena ser uma possibilidade, o jovem goiano já trabalhava em seu álbum, cujo título foi recentemente anunciado. “Lovesongs para Cornos” é mais do que uma brincadeira. A cultura do centro-oeste invariavelmente bebe do sertanejo, com ou sem dolo. Sempre exaltado por fazer o rap da forma mais goiana da década. Devito tenta capitalizar nisso e faz seu primeiro album, não só mais regional, mas paradoxalmente mais universal, por beber do sertanejo e da estética do trap do DF, que são aclamados nacionalmente.

Apesar de buscar agradar com mais afinco o público goiano, não deixa de ser Devito, agora mais experiente e ambicioso. Os singles são viciantes e trazem fortes sentimentos de saudade da cheirosa e da vida de rolês.

“Chamas” é um R&B amplo, com uma produção profunda que te afoga nos seus sentimentos, em conjunto com a letra que traduz bem a sensação de não saber se é amor ou tesão. O refrão melancolicamente agradável mostra a evolução de canto do artista, em dueto com Manon Scarlatelli e seu doce vocal.

Capa do Single “Chamas”

“Danada”, é um funkzinho radiofônico e quasi-limpo. Num instrumental leve, agradável e obviamente dançante, o artista narra momentos de romance e embala uma swingada. Na minha mente, pinta a cena de um casal lavando e enxugando louças em sintonia, enquanto o famoso clima vai surgindo. Apesar de ótima letra, a batida rouba a cena.

Capa do Single “Danada”

A direção musical do projeto como um todo e as capas vieram do (também) goiano Clandestine. Ambos os beats são do próprio DeVito Cxrleone, e a mix e master vieram das fortes mãos de Blitz.prod

https://youtu.be/43iwX1PRMwg