Exclusivo: Slim Rimografia retorna com o inovador álbum ‘M.Arte’

Nesta sexta-feira (18), o rapper Slim Rimografia lança seu novo álbum chamado “M.arte“, cuja as produções são todos de Slim, fazendo um trabalho bastante autoral de experimentos que se mostra um disco de qualidade indiscutível.

M.arte” é um disco inovador. Porque muda completamente a musicalidade do rapper, feito sem outra batida de rap como referência, deixando o processo menos limitado e mais orgânico, trabalhando de maneira livre na criação das batidas e sons. Muito graças a esse hiato utilizado pelo Slim para se inteirar na forma atual de fazer musica. Que é nova e completamente diferente. E esse disco tem isso, que nasce da duvida, da continuidade de fazer musica, de se renovar.

Os efeitos em “M.Arte” foram bem explorados, as possibilidades de criar climas, além de ser introspectivo também. “Eu fiz ele do zero até o final, desde começar a produzir, achar um sampler, usar um sampler, gravar voz, mixar, deixar a música pronta, a não ter nada e começar a tocar alguns acordes, tocar uma bateria pra formar uma harmonia e formar uma batida”, conta Slim Rimografia.

O nome do disco tem também uma ligação com o signo do rapper, com o lado criativo de capricórnio. E Marte (o planeta) tem tudo isso, um pouco da curiosidade sobre o desconhecido e o disco reflete isso. “M.arte é minha arte, talvez um pouco do meu isolamento, da minha forma de buscar inspiração pra minha música e habitar um lugar novo. Esse novo lugar, essa nova vida essa nova forma de construir a música e o desconhecido, acredito que a arte é muito o desconhecido” — ouça:

Slim Rimografia vê muito de Marte na periferia, as paredes de tijolo alaranjado, a distancia da região central. E as pessoas que não vivem essa realidade imaginando se existe vida naquele lugar. “Então acredito que Marte tem todos esses significados, esse lado espacial, sem gravidade, onde flutuamos com a criatividade, podemos ser o que quiser, da maneira que acreditamos”, reflete.

O disco tem sido trabalhado desde o início do ano de 2016, a principio seria um EP com sete faixas e acabou se tornando um disco com mais de dez musicas. Que conta com as participações de Rashid e Lino Krizz na faixa “Vivão e Vivendo”, Rincón Sapiência na faixa “Malokeiro Chic”, tem Xis, Filiph Neo e Dee na faixa “Boom Bang”, Kleber Sampaio na faixa “Vamô ai”, Fabi Gavazzi nas faixas “Perfeita” e “Fuma mais Um” e Quellen Cobs nas faixas “Malokeiro Chic” e “Não solta minha mão”.

Capa de "M.Arte", desenvolvida pela filha do rapper, a Ciça.
Capa de “M.Arte”, desenvolvida pela filha do rapper, a Ciça.

A ilustração dentro do CD é um retrato do rapper desenhado pela Ciça, filha de Slim Rimografia — foi feito na mudança dela para morar com o pai. Esse trabalho tem muito dessa junção de ser artista e pai, de cuidar dela nos intervalos de produzir com ela ouvindo e opinando nas músicas.

“M.arte” também está nas principais plataformas de streaming, como Spotify, e disponível para download gratuito aqui no RND:

[su_button url=”http://104.248.15.2.br/40467/slim-rimografia-m-arte-album/” target=”blank” style=”3d” background=”#cf4141″ color=”#ffffff” size=”5″ wide=”yes” center=”yes” radius=”5″ icon=”icon: download”]Baixe o álbum gratuitamente[/su_button]

[su_spoiler title=”MÚSICAS” open=”yes” style=”simple” icon=”plus-circle”]

  1. Faixa Treze
  2. Yoga Music
  3. Vamô Ai (Part. Kleber Sampaio)
  4. Boom Bang (Part. Xis, Filiph Neo e Dee)
  5. Muito Pouco
  6. Vivão e (Re)Vivendo (Part. Rashid e Lino Krizz)
  7. Onda / Good Vibe
  8. Onda / Bad Vibe
  9. Malokeiro Chic (Part. Rincon Sapiência)
  10. De Valor
  11. Perfeita
  12. Fuma Mais Um (Part. Fabi Gavazzo)
  13. Não Solto Minha Mão (Part. Quellen Cobs)

[/su_spoiler]