Em desfile histórico, Emicida coloca pretos e gordos como protagonistas na SPFW com sua marca

O segundo dia de desfiles do São Paulo Fashion Week acabou de maneira emocionante, grandiosa e, certamente, entrou para a história nesta segunda-feira (24) com a estreia da Laboratório Fantasma,, grife de Emicida e Evandro Fióti.

Com um casting, composto por 90% de modelos negros, a missão da marca no evento foi trazer para o mundo da moda um discurso mais inclusivo, democrático e, claro, de representatividade.

lab-fantasma-spfw-emicida01

O principal objetivo da LAB, como é carinhosamente conhecida a marca, é mostrar a diversidade e a liberdade a partir de todo o conhecimento da luta dos negros pelo mundo e da dura realidade do cotidiano das quebradas muito conhecidos pelos irmãos Emicida e Fióti.

A coleção, que se chama Yasuke, nome dado aos negros Samurais, teve a direção criativa por João Pimenta, um estilista renomado que há anos desfila no SPFW, e mixa influências orientais, africanas e das ruas. Sob a benção de Emicida, as peças foram apresentadas por pessoas de todos os tipos (negros, gordos, altos, baixos…) que fogem aos padrões do mundo das passarelas e representam quem a gente vê nas ruas todos os dias, ou seja, gente de verdade, que consome muita moda e, muitas vezes, só não consome mais porque a maioria das marcas barram isso ao oferecer numerações que vão somente até o 44. Resumindo: o desfile da LAB em nada se parece com o que é costume ver na semana de moda paulistana.

lab-fantasma-spfw-emicida03Entre os looks, todos em preto, branco e vermelho, os cantores Seu Jorge e Ellen Oléria também desfilaram nesse que foi uma grande celebração da cultura afro e do rap nacional.

Em entrevista à Vogue, Emicida detalhou como lida com as semelhanças entre os processos criativos na música e na moda.

— A criação é uma folha em branco em todas as plataformas. Criando uma faixa ou desenhando uma camiseta, o que eu quero é contar uma história. Esta é uma sensação deliciosa

lab-fantasma-spfw-emicida04

Para a primeira participação do SPFW, a grife chegou com muita maturidade, cheia de inovação e autenticidade — Assista o desfilie na íntegra, com direito a rima inédita do Emicida.