Grupo ZRM chega ao fim!

Na noite de ontem (6), o Flip anunciou, através de sua página oficial no Facebook, o fim do promissor grupo ZRM.

Iniciando com o título ZRM Vive (?), Flip escreveu: “Sempre estará vivo pra mim e pra quem curte, pra quem acompanhou, tatuou, se identificou com o trampo.  Eu sempre vou levar comigo as musicas, a filosofia de rua e o Skateboard, podem ter certeza disso…“. Na sequência deu sua visão sobre o fim do grupo. “Só que de uns tempos pra cá, tá sendo difícil trampar com tanta incompatibilidade de ideias e de ideais também (…) Eu continuo trampando, to focando no meu disco solo e vou continuar puxando o bonde do DamassaClan pra acertar o que não está certo e melhorar o que precisa ser melhorado. Mas quanto ao ZRM, chegou a hora de parar.”

Um comunicado oficial do grupo ainda não saiu. No entanto, Febem, que anunciou sua saída do Damassaclan na última semana, utilizou seu Facebook nesta manhã de terça (7) para desabafar.

Rodiado de ‘familia’ que nem minha filha conhecia decidi viver minha verdade, meu direito, não sou obrigado viver à mercê de um lifestyle de plástico. Uma vez perguntei pro meu pai; ‘porque com tantos anos de firma, você não tá num bom cargo?’ e ele me respondeu ‘porque escolhi ser pirata em vez de papagaio’

ZRM a.k.a Zero Real Marginal foi formado em 2011 pelos amigos de infância Febem e Flip que se uniram através das sessões de skate no “Sacolão” (Banco de Alimentos da Vila Maria, Zona Norte de São Paulo) e o amor pela cultura. Em 2012 o Dj Sleet, amigo dos integrantes e morador da Vila Maria, se juntou ao grupo. O grupo lançou um único álbum, “Goldensgoto“, que foi aclamado pelos amantes do Rap underground e do Skate. (O ZRM tambem tem um EP chamado “Pedra no sapato” lançado 2012)

Desejamos um caminho prospero aos integrantes!

https://www.facebook.com/felipeflip/posts/1268360343243698