O Rap baiano volta a surpreender com Dark CTC 33

Quais as dimensões da exclusão/inclusão social perversa? O espaço concedido não é para ambos, mas ambos precisam do mesmo espaço.” É carregado de questionamentos e resistência que rap baiano volta a surpreender com Dark CTC 33, integrante do Contenção 33, cria do Rio Sena – Subúrbio Ferroviário (Salvador), dá introdução a seu novo trampo solo com a faixa ”Julgue-me” — que parece mais um cinema sonoro considerando a imensa capacidade de narrar e descrever o cotidiano da periferia.

Flow monstro, muita punchline e ideia forte expressando com propriedade as vivências de uma vida em uma periferia do Nordeste, a faixa pode ser compreendida como um indivíduo que questiona sua posição inserido em um determinado contexto social, histórico e político.

Julgue-me” irá fazer parte de um EP contendo 4 músicas todas com instrumental de trap e nessa faixa, ele revela no primeiro verso os nomes das novas tracks que irão fazer parte desse trabalho. Confira agora:

Acompanhe os próximos lançamento pela pagina no Facebook.