Átila Colin, focado no trap, lança seu EP ‘Santo Pecador’

Depois do sucesso “Em Salvador“, Átila Colin volta a cena do rap baiano com o lançamento do seu segundo EP intitulado “Santo Pecador“. Com cinco faixas e um poema-introdução, suas letras fazem crítica a corrupção no Brasil, aumento da violência e genocídio de jovens negros na sua comunidade, Engenho Velho da Federação, na capital baiana.

Seu trabalho foi lançado no dia 18 de outubro, nas suas principais redes sociais, o álbum completo está disponível no Youtube e Soundcloud.

Diferente do primeiro EP, seu novo trabalho é focado no trap. A captação, mixagem, masterização das músicas e o design foi feito pelo rapper, que desde o início de sua carreira sempre gostou de trabalhar nas suas próprias faixas e clipes, celebrando o “faça você mesmo”.

Átila Colin

Átila ficou reconhecido no rap baiano após o sucesso com o videoclipe “Em Salvador“, onde rendeu mais de 70 mil visualizações na rede social. A música traz uma visão ambígua das maravilhas e tragédias sociais da capital do axé.

Seu primeiro trabalho foi com o extinto grupo Largado Style e desde 2014 atua com carreira solo, quando lançou o primeiro EP “Sábio“. Tem o título de “monstrão do rap” pelas letras pesadas marcada pela violência diária que vivencia no dia-a-dia.