Pouca idade e muito talento é o que marca os brasilienses do TheGust Mc’s, escute o lançamento ‘Gold Ouro’

Terça-feira é ruim de rolê, porém a segunda feira é sempre boa pra quem gosta de rap. O RapBox dessa segunda, 23, trouxe os brasilienses do TheGust Mc’s com mais um lançamento foda, “Gold Ouro“. Juntos desde de o dia 23 de abril de 2014, LKS, PJ, Don, Dimomo e Jean vem mostrando que muito trabalho traz resultados.

Fui direto atrás desses moleques novos e talentosos para entender como que rolou essa conexão 61 x 11 (DDD). O PJ contou a historia: “A gente já tinha soltado alguns sons no nosso canal e nisso tava rolando uma repercussão, uns comentários, e então de repente apareceu um comentário do Léo Casa1 no nosso som ‘Versos da Madrugada‘. Nisso a gente já ficou discutindo se ele já estava visando a gente, felizão. Foi passando o tempo, ele não fez o contato, continuamos trampando até que a gente recebeu o e-mail dele, mais formal, fazendo o convite“.

E quando eles pisaram em terras paulistanas pra gravar o episódio já estavam se sentindo em casa: “quando a gente chegou lá, ele acolheu a gente muito bem, nos sentimos bem pra caramba, a vontade. E na hora a gente já percebeu uma parada mais elevada, com profissionalismo“, completou PJ.

Eles optaram por fazer a própria base junto com o Heitor Valente, ainda bem, nada contra o famoso “beat do Léo” mas eles são donos de uma musicalidade que é muito unica pro grupo, principalmente falando dos instrumentais. Aquela pegada MPB que explora a viola e dá um encaixe perfeito pros meninos do Distrito Federal.

Completando essa atmosfera única que une musicalidade e mensagem, eu quis saber o que foi pensado em termos de composição para cumprir essa missão: “O RapBox é um canal muito influente hoje em dia, a gente pensou em fazer um som que não fosse muito taxativo, porém um som que seria de reflexão. Um som envolvente, bom de se escutar, porém com um papo que a gente queria dar mesmo, de abrir o olho, de vivência, dar valor a vida até por que esse é o nosso proposito né, desde o inicio do TheGust essa é a mensagem” explica Don.

E o propósito vem sendo cumprido com êxito, vem gerando bons frutos. O grupo que tem pouco mais de dois anos de formação, vem conquistando espaço de forma completamente independente. Desde o espaço e a admiração conquistada a partir de uma cena pequena e engessada como a de Brasília para o estilo de rap que o grupo tem como proposta.

Não podemos esquecer que mesmo de forma independente o TheGust Mc’s tem a própria marca de roupa, a TGT Store. Mais uma prova de um nível alto de profissionalismo adotado pelo grupo.

Daqui pra frente os trabalhos não param, Don contou o que está vindo por aí: “Somos jovens, bem novos na real, eu por exemplo sou o mais velho do grupo e tenho 24 anos, mas somos focados e determinados mesmo, daqui pra frente vai ser só trabalho de alto nível. Até junho vem o nosso primeiro álbum oficial, ‘Experiência Terráquea‘, com muitas participações, bastante conexões, até com beatmakers. Vão sair participações com o Um Barril de Rap, Haikaiss, Primeiramente, Inglês, Atentado Napalm, vai ser pesado“.

Vocês estão preparados? Vão dando aquela preparada no psicológico molecadinha, escuta a tia (na verdade, escuta TheGust mesmo):

Trecho da música
Não é como que cê entra no beat é como que cê tá na vida
Acredite não tem limite honrando uma história antiga
E a vida desarrumada flow pra debater política
Na cabeça um país, a minha paz e a disciplina