Rap Box não para e Thestrow deixa uma válida mensagem em seu novo som ‘Hora de Despertar’

Theo aka Thestrow, escritor e músico de rimas ácidas, integrante de alguns grupos curitibanos como: Mentekpta3°ImundoInthefinityvoz parceria que conta com Dow Raiz e Rexistênciais com Nairobi. Recentemente, ambos tiveram participação no som “18 Kila” que contou com mais 8 participações para tornar o som marcante.

A recente música lançada no Rap Box, foi o vídeo clipe dirigido e produzido por Dhigo Flow, integrante de 3°Imundo, relata um momento que vivenciamos e se encontra meio desequilibrado perante ao que realmente tem valor. Assim como o próprio título da música retrata, ainda estamos dormindo para não perceber o que é banal e passageiro ou realmente não queremos acordar e fingir que está tudo tranquilo.

Em uma conversa com Thestrow, ele nos conta um pouco da ideia e desenvolvimento do som: Hora De Despertar

“A ideia de produção da música surgiu depois que eu assisti um episódio do programa Rap Box, no final daquele episódio tocava um beat de fundo, um Boombap bem marcante, típico das batidas que eu costumava rimar no final dos anos 90, aquela base não saia da minha mente e no mesmo dia resolvi perguntar para o Léo se alguém já teria utilizado aquele instrumental e ele me respondeu no ato que estava disponível e que inclusive se eu quisesse poderia utiliza-lo, gravar um clipe para lançar no canal do Rap Box.”

“Aceitei, lógico, pensei comigo: “Eita, era pra ser em”. Cheguei em casa, abri meu e-mail e lá estava o beat me esperando, em anexo, pronto para ser devorado. Ao abrir, ouvi e já vomitei os versos de maneira espontânea, por ser um tema bem vasto para desenvolver com naturalidade. Comentei com um grande amigo meu Dhigoflow, que estava com a ideia do clipe em mente e perguntei se ele gostaria de fechar comigo nas captações das imagens e edições por sua produtora Tamunido, selo do qual gravei meu primeiro disco solo e ele topou em executar esse trampo comigo, pegamos a BR de motoneta, sentido os picos mocados e em um dia conseguimos fazer todos os registros suficientes para concluir a obra.”

E fiquem ligados que vem coisa nova, em breve projeto Rexistênciais junto com seu parceiro Nairobi.