O seu rapper favorito não tem uma história de vida tão pesada como essa!

Uma história real, pesada, sem nenhum tipo de maquiagem; mostrando como é a vida real de quem nasce em uma família desestruturada.

Xileno é o nome artístico de Adryan Daniel; natural do Rio Grande do Norte, mas precisamente da capital, Natal. O artista tem apenas 19 anos, mas promete muita vontade com sua dose de talento. Porém, antes de falarmos do artista Xileno, temos que percorrer um longo caminho, para tentar entender sua história, suas motivações e como foi sua entrada no rap.

Com pai e mãe, ambos usuários de crack, já mostra que sua infância não foi nada fácil. Nasceu em Natal, mas morou na cidade de Parnamirim (região metropolitana de Natal), mas após a separação dos seus pais foi morar na cidade de São José de Mipibu junto com sua avó, tio, tia e seu pai. Enquanto isso, sua mãe teve um outro relacionamento e um filho, que Xileno nunca chegou a conhecer.

Quando o MC tinha apenas dois anos de idade, a sua mãe foi encontrada morta enforcada, segurando algumas pedras de crack na mão. Até os seis anos de idade viveu junto com sua avó, com quem tinha um laço de mãe e filho; porém ela viera a falecer de câncer no figado. O seu pai ficou revoltado e foi nesse período que começou a traficar muito e com medo dos seus inimigos deixava Xileno com inúmeras pessoas diferentes, para protegê-lo.

Aos 8 anos de idade, Xileno começou a praticar furtos, principalmente em supermercados, foi quando o seu tio vendo a situação interviu e o levou para morar no interior do Rio Grande do Norte, na cidade de Macaíba/RN. Durante três anos teve uma criação bem rígida na igreja católica, porém apanhava muito; quando o seu tio se separou, ambos voltaram a morar na cidade de São José/RN.

O seu tio se tornou alcoólatra, enquanto isso as surras se tornavam cada vez mais frequentes e piores, foi nesse momento que os primeiros traços de depressão começou a surgir, era medo excessivo, além de bullyng na escola. As notícias sobre o seu pai eram sempre as mesmas: “seu pai foi preso”, “seu pai saiu da cadeia”, “seu pai foi preso de novo”. Nessas idas e vindas do sistema prisional, o seu pai que era dependente químico se tornou morador de rua.

Quando tinha 12 anos de idade, o seu pai saiu pela última vez da prisão, dessa vez totalmente mudado, Xileno voltou a morar com ele na cidade de Extremoz/RN; mas como todo adolescente, ele não estava aceintando muito bem a rigídez do seu pai que só permitia que ele isse e voltasse da escola. Não demorou muito para que começasse a andar com más influências, uso de entorpecentes e em um certo dia após uma grande briga, fugiu de casa.

Passou mais de um mês dormindo na casa de amigos e conhecidos até que a mãe de um desses amigos o “adotou” e ele morou na casa dela durante um ano, até que ela o expulsou, pois Xileno tinha se envolvido por completo no mundo criminal.

Voltou pra casa do seu pai, o qual achava que ele estava morto, pois não dava notícias há mais de um ano. Morando na casa do seu pai foi onde Xileno se envolveu com o pessoal barra pesada de Extremoz, onde aprendeu a trafircar e sempre a ficar muito atento a tudo que acontece ao seu redor.

O tempo passava e o rapper ganhava cada vez mais respeito em Extremoz, ele era visto como sujeito que nunca tinha errado na quebra. Em um carnaval Xileno foi preso, passou duas horas no plantão, foi liberado, horas depois foi preso novamente com drogas.

As prisões estavam se tornando recorrentes na vida de Xileno. Tudo mudou em 2019, em uma semana que a polícia foi apreendê-lo, foram três tentativas, nas duas primeiras o MC conseguiu fugir, mas na terceira a policia o capturou em um matagal; foi mais de 30 minutos de terror psicológico e agressão física. Foi quando o rapper implorou a Deus por sua vida, ouvindo isso o policial disse: “já que você chama tanto por Deus, diga uma palavra da bíblia que você será salvo”. Xileno recitou o salmo 23: “ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte não temerei mal algum, porque tu estás comigo”; esse salmo está tatuado na panturrilha do artista.

Depois disso o rapper prometeu pra si mesmo que mudaria de vida, foi então que parou de vender drogas, saiu completamente da vida do crime e entrou de cara na música, onde sempre teve o sonho de ser um artista famoso.

Depois disso tudo prometi a mim mesmo que mudaria de vida, parei de vender drogas e caí de cara na música onde eu sempre estive o sonho de ser um artista famoso.

Continua…


Essa é a primeira parte da história do rapper Xileno, quinta-feira (4) vamos liberar a segunda parte na qual falamos um pouco sobre os seus trabalhos anteriores e os seus próximos lançamentos.