Com fome de trampo, Não Pode Ser Nada pega fogo na nova “Bote Esse”

Após anunciar o projeto “Dia de Maldade“, o grupo de RAP soterepolitano NPSN (Não Pode Ser Nada) dropou na última quarta-feira, em seu canal no Youtube, o videoclipe da faixa “Bote Esse“.

Lotados de gás para 2018, o grupo carrega um projeto que visa 12 singles durante o ano, além de um disco inédito. E a escolhida para iniciar os trabalhos foi justamente “Bote Esse”, que traz direção de videoclipe de Raulzito (rapper do NPSN) e Andrey Gomes (ORUN), que também filmou a obra. A mixagem e masterização é de Fabinho (mais um integrante do grupo).

Para divulgação do novo projeto, o NPSN fará um evento neste sábado em Salvador com a participação da ascendente estrela do RAP BR, KK (pai do hit 1NOJO)

Na track, Raulzito (a.k.a R4) e Raal rimam sobre “botar esse“, uma gíria usada em Salvador para degustar algum tipo de fumo – leia-se maconha. Em um autêntico trap, especialidade dos caras, os dois MC’s entregam o que se espera dentro de uma beat que bate de primeira.

Sobre o tema da música, Raulzito avisa: “Quem é sabe do que estamos falando, não quero me comprometer se menores de idade ouvirem o som, ele foi feito pra +18, é responsabilidade dos pais selecionarem de acordo com a classificação etária o que seus filhos escutam”.

R4, ou como se declara na música, Homem Neve São Caetano, e Raal garantem que as próximas músicas são para todos os públicos e que provavelmente final de fevereiro tem o lançamento da sucessora de “Como ela mexe”, música que teve participação de Junior Lord, filho de Magary.

“Temos a faixa sucessora pronta e finalizada, estamos tentando encontrar alguém que tenha um pensamento artístico com a identidade do Trio para fazermos o clipe dessa. Queremos lançar até o final de fevereiro, caso isso não ocorra, temos uma substituta para o cronograma não perder o ritmo”, conta Fabinho