BK’ e a turnê ‘Gigantes’: aulas de flow e musicalidade

BK’ se apresentou no último Sábado, 15, no João Rock, festival que levou mais de 65 mil pessoas ao interior de São Paulo, em Ribeirão Preto. No palco paralelo do festival, o “Fortalecendo a Cena” onde também se apresentaram Rincon Sapiência, Djonga e Filipe Ret.

BK’ fez uma excelente apresentação, junto com a banda composta por Magno Brito no baixo, Theo Zagrae na bateria, Pedro Malcher no teclado, Jxnvs no vocal de reforço e o DJ El Lif Beats. Cantou clássicos do álbum “Castelos & Ruínas” como “Amores, Vícios e Obsessões” e “O Próximo Nascer do Sol” que ganharam uma roupagem nova com os arranjos da banda. Do álbum novo “Gigantes”, destaco a apresentação do hit “Titãs”, momento  marcante em que os presentes acenderam as luzes de seus smartphones e isqueiros, também a apresentação de “Vivos”, som que conta com a participação de Baco Exu do Blues, mas na ocasião BK’ cantou só a sua parte e o público presente cantou a uma só voz o refrão: “pretos fazendo dinheiro é tudo que eu vejo”. Refrão esse que, na versão original do som, também conta com a participação de Luccas Carlos.

Depois do show trocamos uma ideia com o rapper, perguntamos a ele como se sente agora nessa nova fase, como tem sido tocar em grandes festivais (recentemente se apresentou no Lollapalooza) e ele respondeu:

Fizemos o “Gigantes” já pensando nisso, pensando em sair da nossa zona de conforto e tentar lances maiores, mais altos, tá ligado? Foi pensado para isso, palco grande, show com banda, festivais e graças a Deus tá rolando!

Perguntamos também da experiência nova de tocar com banda e ele disse:

Foi uma parada que foi difícil para mim no começo, porque eu estava muito acostumado com a altura do beat, não estava acostumado a tocar com fone, foi um desafio que depois de muito ensaio, tá rolando e eu tô me amarrando.

Além disso, falamos também de quais são os planos a curto prazo e o rapper revelou:

Pretendo lançar mais um álbum ainda esse ano, tô com muita ideia e eu não gosto de prender, se eu tenho a ideia agora, quero lançar ela agora, não daqui, sei lá, 5 anos, porque daqui 5 anos eu já vou ter outra ideia. Só quero esperar o “Gigantes” completar um ano para lançar.

Então, provavelmente teremos novidades do BK’ depois de outubro, mês de aniversário do álbum “Gigantes”.