Ao lado do pai, Criolo fala sobre a falta de perspectiva dos jovens da periferia

Nesta quarta-feira (7), Criolo falou com a Ponte Jornalismo, concedendo uma das melhores entrevistas que nos recordamos.

Junto a seu pai, Cleon, o rapper, nascido na Favela das Imbuias, zona sul de São Paulo, fala sobre desigualdade social, sobre a falta de perspectiva dos jovens da periferia, preconceito e racismo. E conta como seu pai, ao levá-lo para ser socorrido num hospital após um acidente doméstico, foi acusado pelos próprios funcionários do hospital de tê-lo sequestrado.

Eu quero ver meus meninos sorrindo… na casinha deles, com a comidinha deles, podendo fazer um rolê com o paizinho deles. Porque só os ladrão ligado a política e a tantos outros caminhos empresariais pode ter uma boa alimentação e ter conforto? Porque os nossos não podem ter conforto? Ter orgulho da sua cor?

O entrevista foi realizada por Claudia Belfort e André Caramante.