Uma análise técnica do novo single do Amiri, ‘Apollo/Rude Bwoy’ (Parte 1)

Semana passada, o Amiri marcou o seu retorno à cena com a faixa “Monster Freeverse“, na qual ele rimava em cima do beat de “Monster” do Kanye West. No final da faixa ele anunciou: “Apollo/Rude Bwoy, 24 de Outubro”.

Eis que chegou o dia e ele soltou a track de 7 minutos e 2 partes, produzida por Deryck Cabrera. É um show de rimas bem elaboradas e que “atropelam como uma manada de elefantes“, como o mesmo diz na seção “Apollo” da música.

Me acompanhe nesse vídeo, enquanto eu explico (ou pelo menos tento) os significados das punchlines ácidas do David Nascimento (nome de batismo do Amiri), e demonstro os esquemas de rimas que ele utilizou!

https://www.youtube.com/watch?v=KAG_Jd0BZbY&feature=youtu.

Não deixe de assinar o canal Faustino Beats, para ser notificado em primeira mão sempre que uma novo vídeo sair!