No tempo de Deus, os Mallones vão chegar longe

RT Mallone há um bom tempo mostra um ótimo trabalho com suas músicas e audiovisual, a soma com o selo Artefato com certeza resultou no reconhecimento de ‘Vendedor de Sonhos‘ e ‘Rohor Tahir’ como um dos melhores álbuns do ano que foi lançado respectivamente.

Desta vez, RT Mallone em parceira de Brackes Mallone, Muxima, Fraze, Roko e Thiago Britto que criaram uma atmosfera de um ambiente pacífico onde é permitido olhar para dentro e perceber que nada acontece no nosso tempo, mas sim, segundo o single de RT Mallone e Brackes Mallone, no tempo de Deus.

Tempo de Deus’ e ‘Espelhos e Vitrines’ é um single duplo que fazem parte da mesma narrativa mesmo com suas particularidades líricas. O primeiro conta com a participação de Brackes Mallone, que tem carreiras interligadas que vão além do vulgo. Aliás foi o tempo do divino que fez acontecer esse feat entres os irmão:

Temos uma energia em comum que não sei explicar, um feat nosso já era algo esperado, inclusive demorou pra acontecer

diz RT Mallone.

Tempo de Deus é sobre esperança, é sobre ver o tempo como força e não como relógio e saber que tudo vai dar certo no tempo certo.

“As vezes sinto que pobreza é tipo uma doença porque me obriga a ser paciente
Mas cê já viu que quando toda luz se apaga, o brilho das estrelas sempre é diferente?
Me perdi no deserto por ouvir a ansiedade
Fez parte do processo e hoje vi que na verdade
Só temos o agora onde o amanhã não cabe
Por isso digo acorda, todo atalho é uma miragem”

O beat calmo produzido por Muxima e Roko nos transporta para um ambiente sonoro que casa perfeitamente com a narrativa criada pelos Mallones, a junção do instrumental e a letra apresentou com êxito o que os artista desejavam.

“Espere ser ressucitado
Ou morra mais cedo pro
Seu trampo ser valorizado
Estamos à frente agora mano, seremos visados sem avisar
Deus tem sido muito bom comigo, não deixe de acreditar”

Espelhos e Vitrines é sobre olhar para o mais íntimo do ser e entender que o destino não está nas nossas mãos, mas que podemos valorizar cada momento vivenciado, é sobre se conhecer e aproveitar cada oportunidade que surgir.

O single que é uma extensão da primeira faixa foi produzida por Muxima e é iniciada com um verso impactante de Thiago Britto e a voz delicada de Fraze no refrão, que nos conecta com os versos escrito por RT Mallone nos fazendo refletir e nos entender.

“E tento me convencer de que
A morte não é uma escolha
Vão medir seu talento pelas notas…
O mundo é uma péssima escola
No fundo de uma cela agora, alguém queria ter chance de tentar denovo
Mas eu sei quando a grana não sobra, todo tempo do mundo é pouco”.

RT Mallone é um artista que entrega uma obra que qualquer um que consiga entender a dor de ser negro e periférico num país racista pode saber. Por isso, suas linhas não são vazias, sempre trazendo versos que nos fazem pensar e saber que precisamos nos amar, por isso, é merecedor de todas as conquistas até agora.

Comentários
Carregando...