Well e Coruja BC1 juntam-se e lançam o som sinistro; confira ‘O preço do Amanhã’

Well, poeta exímio residente do estado de Belo Horizonte, acabou de lançar o som “O Preço do Amanhã“, acompanhado do clipe muito bem feito que tem a direção do gênio Rodrigo Noronha, e que tem a marcante participação do Coruja BC1, que é outro grande poeta dessa ‘nova escola’ que é bastante talentosa.

Para fazer essa conexão, que já vinha sido planejada, Well e Coruja haviam se conhecido a muito tempo atrás, antes, inclusive, de todo o ‘reviravolta’ necessária que houve na cena do rap nacional, que movimentou grandiosamente várias partículas envolvidas com hip-hop no país. Ao trocarem idéias diversas vezes, perceberam a sintonia que suas idéias tinham e Well diz se sentir muito honrado de poder rimar ao lado de um dos maiores nomes da cena atual, entregando um trabalho a altura do talento que os dois indiscutivelmente têm.

Os dois ouviram um o som do outro e, como não, curtiram e se identificaram até terem a ideia de fazerem um som juntos – e, daí, já era fácil imaginar o sonzaço que viria, mas, mesmo assim, conseguiram ainda surpreender. A letra, que fala das ambições que os artistas almejam, possui uma habilidade invejável, onde conseguem misturar o sentimento que há nos seus sonhos para o futuro e na forma impactante que fariam isso, em flow’s instigantes em cima de um beat sinistro do B7Z, que também faz parte do mesmo selo que o Well, Antehype – que promete “oxigenar a cena e buscar cada vez mais a visibilidade que Minas Gerais começou a ter“.

Confira “O preço do Amanhã”:

Trecho da Música
[Salvê!! Os manos de Minas/ hoje os preto com ouro na mão/ sou filho da empregada, mas meu filho vai ser o filho do patrão/ meu time é fora do padrão/ sabota raciocínio no estilo Mauro/ vê que entrarão em extinção, depois desse som, igual dinossauro]

Comentários
Carregando...