Costa Gold lança o clipe “A Velha Oeste” com participação de Shaw

Após lançar o single “Doce Veneno (Vírus da Carne)” em agosto, o grupo Gosta Gold divulgou nesta quinta (17) o aguardado clipe da inédtia “A Velha Oeste“, que ainda tem participação de Shawlin.

Como o nome sugere, o clipe — uma bela produção #HashProduções — é todo desenvolvido no velho oeste, onde Shaw, Nog e Predella, respectivamente, encaixam devaneios de Rap, bebidas, referências e mulheres sobre uma visão alá velho oeste.

A Velha Oeste” é faixa do novo disco do Costa Gold, que agora aformado apenas por Nog e Predella lançara em novembro o disco “155“.

[su_spoiler title=”Letra” open=no” style=”simple”]

(Shaw)

“Saporra” é uma gangue!
Tem vezes q o bonde é grande,
mas nao é papo de “band”, saca?!

Nosso bang parece uma roda punk!
Nog estoura logo um blunt…
Chapação no meu semblante,
é uma selva ou um mangue,

Uma macaca ou um kunk,
mas nao é pra marmanjo, sangue!
É, antes que o sono chame,
essas danada em nossa glande
querer rebolar igual funk,
hora chupa e hora lambe.
Antes namorava o bambi!

Beck nao chega em farsante,
boombap no autofalante, trap é até muito legal…
mas RAP é nosso desde antes!

Tamo junto e misturado,
ninguem vai passar vexame.
mexe ali com o menorzin
que nós te atropela igual um tanque!

Tambem sou homem sozinho,
cê pode tentar sua revanche!
Desde q inventaram o (PLAW)!
Não existe homem o bastante.

É realmente insolente, revoltante!
Vem um flash, um assobio…
abordam-se os ocupantes.

(DJ Cidy nos Scratches)

(NOG)

Nog na análise!
É o Freud e a psicanálise.
Te envolve em cada estrofe
e te comove como catastrofe.

Meu banco no défcit!
é a matematica da fase tragica,
e saber traficar vai trazer lastima.

Eu não nasci com latifúndio,
Me traz um estúdio…
virou um produto de lucro as rimas que eu articulo.

desvio o caminho e evito atrito com esses federais!
que fedem mais…
legais até demais com um cheque a mais.

A gangue é grande sim,
mas sem espaço pra inseto
e bem fácil eu detecto
os que são plágio e adeptos de techno.

Uns “Rouba brisa” que nem clepto
desvia o cepto,
e fica perplexo com o reflexo do sexo de anexo!

yo soy no rap diablo!
Solta as éguas do estábulo.
liguei meu mano Shaw, que pegou umas drogas com Pablo!

É gangue contra gangue,
semblante do BANG-BANG!
Ver sangue pra que eu não sangre
se passar do diálogo!

(Predella)

Luz eu não achei!
Crack nas ruas a lei.
A vendendo mais que ‘Blues’ em U.S.A !

Veneno da Ku Klux Klan,
Clack boom!
“Loosers” na track somem.
Rap de Bad Bulls!
GANG Jamaica Queens.
White na pele “tru”!
No cap RedSkins e moletom de BerryBlue…

DAMASSA DREAM TEAM céu azul!
E mesmo assim a minha função é “NADABOM” pau no cu!
Fogo no latão eu sinto cheiro de Vodooh.
Mais rap de levada e menos refrão “babalooh”.

Tang-Clan-Wu-Tang!
Tá ligado que nois é o bangue!
Até inflamar.. Escorrer o sangue!
Eu já sei, se pá faz jus.
Minha fé conduz.

A paz pra nós não blefar na cruz.
Enquanto o sistema atraca igual o Freddy kruegger,
A minha fé nem que o teu diabo grude.

[/su_spoiler]

Imagem reprodução
Imagem reprodução
Comentários
Carregando...