Douglas, líder do Realidade Cruel, atenta para a queda do Funk e a acensão do Rap

[ads1]

Na última sexta-feira (25), Douglas, líder do Realidade Cruel, fez uma ótima reflexão munido de fatos, em seu facebook oficial.

Sabemos, por questões culturais, que músicas em geral com pouco conteúdo, tendem a se enfraquecerem com o passar do tempo, vide hits atuais, afinal as pessoas envelhecem, músicas de baixo conteúdo não, essas morrem.

O Rap voltou a milhão nas quebradas, o que tem de gente me ligando pra fazermos shows, querendo contratar o RC alegando que o Funk ta em baixa, vcs não fazem ideia“, comentou.

Douglas ainda sugeriu que uma das causas do fato é que todos querem ser mc’s, “Sim o Funk ainda predomina nas periferias, seria ingenuidade da minha parte não reconhecer isso, mas que caiu … é inegável. Porque todos querem ser MC e não querem mais serem público, isso aconteceu com o Rap também em 2000 até 2008“, refletiu, dizendo que essa também é a reflexão de um produtor musical de Funk renomado.

O Rapper também lembrou a época de seca do Rap Nacional, na qual Brown também já frisou em entrevista, “tudo avançou e quem se preparou para isso está ai na luta todos os dias, sei que ressurgirão inúmeros camaradas e colegas que até desanimaram em meio aos percurso., e eles serão bem vindos pois são nossa família… Mas chegou a hora e confesso á todos, como esperei por ela, como foi difícil ver em vários lugares do Brasil jovens de uma nova geração que não sabiam nem quem era o grupo que cantava ‘Nego Drama’,  apenas conheciam a música“, relembrou.

Certamente, nós que trabalhamos como mídia do Rap, também temos a sensação que o Rap está em acensão, e o principal motivo disso é a profissionalização dos artistas do Rap.

O Rap vai por na periferia a voz mais alta e mais forte de todos os periféricos do Brasil novamente para todas as outras classes ouvirem” comentou, “Chegou o momento de municiarmos nossas armas, armas de indignação e revolta com esse sistema e pormos para fora aquilo que está a tempos sendo preparado para o dia D. É agora segura” finalizou, mostrando seu otimismo com a cena atual.

[su_spoiler title=”Publicação na íntegra” style=”fancy” icon=”plus-square-1″]

[/su_spoiler]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.